quinta-feira, 14 de maio de 2009

MOMENTO DESCONTRAÇÃO

Photobucket

Temos por hábito criar momentos de recolhimento, de relaxamento, momentos de reflexão. Cada uma á sua maneira sempre encontramos esses momentos.

Sempre ouvi dizer que lidar com a terra, com plantas, além de uma excelente terapia massageia nosso eu dado que é certo que passadas algumas semanas veremos o resultado do tempo investido.

Amo Flores, amo o verde mas sempre os tive como decoração de minha casa, sempre um jardineiro contratado para os devidos cuidados. Desde que me mudei para cá, já declarei em outras postagens, arregacei as mangas e enfiei as unhas na terra! Nada de luvas, aventais, chapéu de palha...nada disso!!! Esses momentos criados incialmente como minha terapia para a solidão engajaram-se em meu quotidiano, virou rotina, obrigação; mas uma obrigação prazeirosa...assim como nos deleitamos em ver uma orquídea abrir, aquela roseira que esperamos a primeira floração, assim comigo e minha hortinha...

Incrível , com tanto espaço acabei por iniciá-la em vasos tão somente porque os vasos me circundam, circundam minhas varandas enquanto se eu a fizesse no terreno do pomar, certamente não contemplaria o seu desenvolvimento...por que? simplesmente porque para eu alcançar o pomar, as minhas fruteiras, tenho que passar por um salão que necessita de reformas, entulhado de coisas de minha mudança e material de construção e ai vejo minha incapacidade de cuidar de tanto espaço sozinha. Então para não sofrer, fui extirpando tudo aquilo que pode me gerar maior transe existencial...

Assim, com a hortinha iniciada, incentivei meus pimpolhos a me ajudarem com a rega...e principalmente, eles começam a entender o ciclo da vida...a semente que gera a vida...a vida que cresce, que floresce, que dá frutos...

Minha primeira experiência foi com pimentão e berinjela..depois hortelã, beterraba e agora, aguardamos o fim da quadra chuvosa para continuarmos nossa semeadura!

Você dirá...mais a Dolly endoideceu mesmo... por que toda essa explanação???

Boa pergunta..acho que é porque melhorei da maledetta alergia que me derrubou por 15 dias...depois porque estou viva...ainda porque se considero aqui meu cantinho de comunicação com " amigas" esse é o meu momento de descontração, de desabafo, de confidências, de abrir as entranhas...

Achei algumas idéias de hortinha em vasos, lindos  e graciosos e que tenho certeza não diminuirá o encanto, a formosura de nenhuma casa, apartamento, varanda, copa, cozinha etc...

A criatividade é individual mas a idéia é coletiva! o gratificante é poder colher e comer o fruto de nosso trabalho, de nossas mãos tudo de maneira ecologicamente correta...

Então, apreciem as imagens, e constatem que foram caprichosamente plantadas individualmente ou tipo coquetel...achei o máximo...

Photobucket

olhem o frescor do almeirão!!!!!

Photobucket

e a beterraba então???

Photobucket

Photobucket

essa jardineira em terra cota está deslumbrante

Photobucket

Photobucket

achei o máximo esses cachepots em ripinhas coloridas!!!

Photobucket

Já imaginaram esses vasos coloridos dando as boas vindas às visitas????

Photobucket

Teria menor valor o colorido dos tomatinhos cereja que rosas e orquídeas????

Photobucket



Photobucket

18 comentários:

  1. Eu amo plantas! E a cada dia que passa, aumenta o número de vasinhos aqui da casinha... Elas me fazem companhia, e ficam uma beleza na comida.
    Lindas as imagens, Dolly!

    Quero aproveitar pra agradecer seu comentário no último post... Muito obrigada por ver esse lado menos fel em mim, querida! E também pelo desejo de sucesso...

    Um bjo enorme procê!!!

    ResponderExcluir
  2. Oi Dolly

    pelo jeito já estás mais animadinha!oba!!!
    Amei esses tomatinhos em vasinhos!!!
    De uns tempos pra cá ,tenho vontade de plantar verduras.Sempre plantei somente flores e plantas decorativas. Vou ver se acho sementes desse pequenos tomatinhos e achar umas panelas queimadas para plantar..
    Hoje estou sem inspiração de postagem e com muitas coisas pra fazer...dar uma geral na casa, ir ao supermercado.Espero que ate amanhã tenha uma boa ideia pra postar.

    bjus
    ana maria

    ResponderExcluir
  3. que texto lindo, adoro plantar semear e semeio tanto em horta, vasinho, enfim amo muito tudo isto. beijos.

    ResponderExcluir
  4. Dolly, eu tb sou adepta de meter a mão na terra, às vezes até uso luvas, mas geralmente não uso e adoro a sensação. Vou postar mais fotos do meu quintal - as capuchinhas, o manjericão e a bananeira que está carregada e lindona!

    beijos e boa sorte com seu quintal!

    ResponderExcluir
  5. Dolly

    Também sou apaixonada por verde.
    Temos uma pequena chácara e nos finais de semana,meu marido e eu vamos para lá e nos divertimos,plantando flores e dando um "trato" nas frutas.
    É lá que esqueço todos os problemas estressantes do dia à dia,às vzs vou durante a semana sózinha e fico lá fotografando.
    Estamos fazendo um bosque no terreno,de um lado plantamos araucárias e do outro ipês de todas as cores.Ficamos imaginando como ficarão daqui uns 10 anos...
    Seu blog é lindo...
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. patricia obrigada pela visita e feliz retorno...ja respondi no teu post de hoje!!! que delicia lidar com o verde não???
    bjs Dolly

    ResponderExcluir
  7. Ana, faça vc suas sementes...compre os tomatinhos, coloque as sementes para secar e depois plante-as...meus pimentões, as berinjelas, aboboras foram plantados assim..na verdade marcelo andou comprando saquinhos de sementes para iniciar as crianças, no laboratório da vovó ahahahah na casa deles, nada de bagunça!!!
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Olá Sônia, seja bem vinda minha xará
    Olhe, é muito prazeiroso lidar com a terra; não sei se vc leu meus posts anteriores mas conto que moro no Ceará em um sitio...assim, resolvi transformar meus jardins da frente da casa em um bosque para filtrar o calor..plantei Neen, já ouvi falar? em 1 ano e 3 meses já atinguram 5 metros de altura, também tem fotos em postagens anteriores...Tente ´plantar alguns deles... Aqui são raríssimos ipês, no interior se vê mais..já as cassias speciosas nascem como mato...amo também as arvores floridas mas demoram mais a crescer...
    Se gostou desse meu mundinho, volte sempre, será um prazer imenso recebê-las e estreitarmos amizades...Amo falar com gente da minha terra
    bjs e bom final de semana
    Dolly

    ResponderExcluir
  9. Esse post me lembrou que ainda não comecei minha hortinha e também o cultivo de flores que quero ter no quintalzinho atrás de de casa. Deixa estar! É que preciso aguardar que o vizinho inicie (e termine) a reforma dele, que incluirá a subida do muro. Se eu começar esse projeto antes, as plantas vão sofre com o “chapisco” do cimento de um lado do muro para o outro. Não quero me estressar vendo as plantas melecadas e cimento e, talvez, morrendo por causa disso. Por isso, continuo esperando um pouquinho...

    Aaaaaahhhhhhhh, Dolly! Então foi você né, bicha vó? Voi você quem indicou o Bicha para o Veja Blog? Pôxa! Eu não sabia! Muito obrigada pela generosidade! Ei, fiquei até com medo das tuas ideias e metas para o Bicha... olha lá, hein?... ehehehehe...

    Ei! Sabe o que falei hoje para o meu esposo? “Um dia vou conhecer o CE e vou conhecer a bicha vó”... :D

    Fiquei contente, abri o sorriso de um canto a outro ao ler (saber) que você está melhor. Muito bom!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Cara Dolly, adorei as sugestoes dos vasos de flores. Tenho o maior cuidado com meus vasos de flores e estou sempre a fazer fotos porque a natureza (para mim) é uma das maiores expressoes Divina! Um abraço. Léia

    ResponderExcluir
  11. Um Violoncelo reage ao toque
    Vibram as cordas, solta-se a melodia
    Das mãos escultoras das notas
    Saem afagos de sonora magia

    Uma alma reage aos acordes
    Um coração bate ao compasso
    Uma voz entoa dolentemente
    Um corpo deseja o abraço



    Um feliz fim de semana


    Doce beijo

    ResponderExcluir
  12. Angela tua semeadura vai muito mais além dessas sugeridas...sei que tua colheita será preciosa porque aqueles que semeiam amor, que acalentam almas como vc, sem dúvida seguiram os exemplos do grande Semeador..
    bjs amiga
    Dolly

    ResponderExcluir
  13. Claudinha, faça-nos conhecer mais daquele espaço cuidado com tanto amor...e a palmeira? vingou?
    bjs

    ResponderExcluir
  14. Sonia, seja muito bem vinda a esse cantinho que já cultiva boas amizades, temos imenso prazer em conhecê-la..Estive passeando por teu blog e que blog!!!! grande postagens...ricas em imagens desse Brasil, sua cultura, sua gente...parabéns
    bjs

    ResponderExcluir
  15. Lidiane, sabe que me divirto no teu Bicha né...amiga, nems abia que vc morava em casa..achei que fosse um apartamento...Trocamos figurinhas sobre camas, armários e vamos formando idéias que sem dúvidas passam longe da realidade. Eu também estou enfrentando os meus problemas com meus muros..preciso pintá-los mas estou tão doída em ter de desmontar os jardins que vou deixando para depois...Agora com as chuvas êles estão com aquela cor verde abacate...já pensei até em achar um grafiteiro para pintá-los só para não ter que transplantar meu verde.
    Que tal postar umas fotinhas de teu quintal???? sabe que adoramos dar pitacos, a pobre da claudinha que o diga, tadinha...
    bjs, Bicha Vó

    ResponderExcluir
  16. Léia cara, como vai? sabe que ontem estive passeando por teu blog e ia deixar um comentário nas fotos e não achei onde postá-lo????
    Lindos aqueles lugares, vc está morando em Londres? deixou nossa Itália?
    Voltando aos vasetos, decisivamente a vida sem verde perde o brilho...é tão magnifíco poder acompanhar o desenvolvimento da natureza e ter a certeza de que quanto mais a apreciamos mais ela nos gratifica com sombra, colorido e frescor
    Abraços, Dolly

    ResponderExcluir
  17. Profeta, obrigada pela visita, volte quando puder!
    Dolly

    ResponderExcluir
  18. Querida Dolly, continuo firme e forte aqui na nostra Italia! Um abraço. Léia

    ResponderExcluir

Adoraria ler um comentário seu...